Há uma diferença entre um negócio e uma marca

Como proprietário de uma empresa, ou talvez alguém que esteja interessado em começar um negócio, você provavelmente já ouviu essa citação. Antes de começar o negócio, todo mundo está dizendo a você como é importante construir uma ‘marca’ e ter uma ‘identidade’ … mas o que isso tudo significa? Existe alguma diferença entre marca e identidade de marca?

Se você já tentou pesquisar esses tópicos apenas para se encontrar ainda mais confuso do que antes, você está no lugar certo. Hoje, queremos apresentar a você a ideia de marca, identidade visual e como você pode configurar seu negócio para o sucesso em todas essas áreas.

Definições importantes

Mais tarde, forneceremos algumas dicas para criar sua própria marca.

Antes disso, no entanto, devemos discutir os significados de três termos-chave:

Marca

Ao ouvir essa palavra, as pessoas geralmente pensam em um logotipo específico – talvez você tenha visões do logotipo do McDonald’s ‘M’, por exemplo?

Na verdade, uma marca é mais do que apenas um logotipo (assim como você é mais que suas roupas), pois o conceito também abrange coisas como atendimento ao cliente e como os clientes se sentem em relação a uma determinada empresa, o cheiro, a luz, a cor, o formato… Todos pontos de contato e sua experiência (chegaremos lá).

Com isso em mente, poderíamos definir ‘marca’ como os ativos intangíveis de uma empresa. Em vez de um produto que os clientes podem sentir, tocar e usar, é completamente intangível. Para muitos especialistas, descrevem-no como o relacionamento emocional que uma empresa tem com um cliente.

Mais do que apenas um produto ou serviço, os consumidores procuram desenvolver uma conexão com as empresas. Você já ouviu alguém falar defensivamente sobre uma marca ou produto? Tente dizer aos Harleyros que existe uma opção melhor do outro lado da rua. As melhores marcas podem convencer os consumidores a acreditar em sua empresa tanto quanto os proprietários e gerentes.

Se olharmos para a batalha entre a Apple e o Android como outro exemplo, os consumidores de cada um são extremamente apaixonados sobre qual dispositivo é melhor.

Do ponto de vista tecnológico, ambos os dispositivos são semelhantes – ambos possuem câmeras de alta qualidade, ambos permitem chamadas telefônicas, mensagens de texto e aplicativos. No entanto, os usuários de cada um defenderão a empresa escolhida como se fosse sua própria empresa … esse é o poder de uma marca.

Identidade da marca

Se uma marca é intangível, o que é identidade de marca? Bem, isso é o que discutimos anteriormente com o ‘M’ do McDonald’s porque é tudo o que vemos de uma marca. Isso inclui todos os aspectos visuais, como;

Logotipo

Cores

Tipografia

Embalagem

Gráficos de mídia social

Design de folheto

Por exemplo, uma marca seria bem-sucedida se não tivesse identidade universal? Não.

Se considerarmos a Coca-Cola , pensamos instantaneamente na cor vermelha. Por quê? Porque a cor vermelha é usada absolutamente em todos os lugares em que o nome é mencionado. Seja nos caminhões, garrafas, copos, outdoors, anúncios de TV, páginas de mídia social, etc. Esta é uma decisão consciente da Coca-Cola porque eles querem construir uma identidade.

Se eles tivessem cores e desenhos diferentes para diferentes materiais de marketing, o efeito não seria tão forte. No entanto, é mais do que apenas cor porque seu nome é sempre impresso na mesma tipografia e eles costumam usar uma silhueta de uma garrafa como uma imagem para atrair consumidores.

Branding

Sempre que você lê sobre branding, há um termo que sempre parece acompanhar o tópico: construir. Em vez de “criar” ou “projetar” uma marca, precisamos “construir” uma marca e isso é importante. Se você quer construir uma marca (e toda sua extensão de experiência), esse processo é chamado de ‘branding’.

Se você está iniciando seu negócio, antes de tudo contrate um bom designer.

E juntos determinam o que a empresa (que ainda não é marca) deseja transmitir, aqueles com experiência saberão como traduzir isso em uma identidade de marca. Depois de ter suas cores, fontes e logotipos, o próximo passo é ser consistente e usar essas cores / fontes onde quer que você apareça na frente dos consumidores. Mesmo que seja apenas um cabeçalho do Twitter, isso ajudará a percepção da sua marca e manterá sua marca nas mentes dos clientes.

Isso é um bom começo, mas não é só isso.

Aguardem que vem muito mais.