Como Inovar? 5 Dicas Incríveis Para Ser Mais Criativo

como criar

Inovar não é uma tarefa fácil.

Hoje em dia, temos tanta tecnologia e soluções nas mais diversas áreas que dá a impressão que não existe mais o que inovar, mas é claro que existe.

Você não precisa inventar a roda!

Basta ficar atento para enxergar algum problema do dia a dia e arrumar uma solução eficaz para ele, simples assim.

Quer ter uma mente criativa e cheia de ideias inovadoras para mandar bem nos seus projetos?

Basta continuar lendo o nosso artigo com 5 Dicas Incríveis Para Ser Mais Criativo.

Não se preocupe com o que os outros vão pensar:

A grande maioria das pessoas está acostumada a viver em sua zona de conforto e tem mania de achar que nada de criativo ou inovador vai dar certo.

Em certo ponto dá até para entendê-las, alguns projetos são tão bons que chegam a parecer surreais.

  • Já imaginou se alguém dissesse há 150 anos, que criaria um meio de transporte que voa, atravessa continentes e é capaz de levar centenas de pessoas?
  • Ou que inventaria um aparelho que cabe na palma das mãos, é capaz de fazer ligações para o mundo inteiro, além de transações bancárias e compras?
  • E sobre um eletrodoméstico que aquece pratos sem a ajuda do fogo, através de suas micro-ondas de calor?

Será que nós acreditaríamos que tudo isso seria possível?

Com certeza os criadores dessas tecnologias foram chamados de loucos inúmeras vezes.

Hoje, a inovação que eles criaram facilita a vida de pessoas no mundo inteiro, a ponto de não conseguirem mais viver sem essas criações.

Quem sabe aquela ideia que você considera genial e seus amigos acham absurda não é a próxima inovação que vai mudar a vida de muita gente?

Deixe as pessoas falarem o que quiserem e siga firme no seu propósito.

Questione tudo:

Se você quer estimular a criatividade no seu cérebro, não use esse artifício apenas em seus projetos profissionais.

Quando for fazer qualquer atividade pense no porquê está fazendo daquela maneira e se há um jeito mais simples, que demande menos tempo e energia para realizar a tarefa.

Por exemplo, se em uma determinada semana você precisa ir ao dentista, ao advogado e passar no supermercado.

Uma maneira criativa de resolver essas questões é separar uma tarde e resolver todas as pendências, de uma vez só, assim você não precisará se ausentar do trabalho três vezes durante a semana.

Se você for cozinhar, uma maneira inovadora é congelar alimentos já picados, assim na hora que você for preparar o jantar terá menos trabalho.

Encontre maneiras criativas de solucionar seus pequenos problemas do dia a dia, dessa forma sua mente sempre estará procurando formas inovadoras de melhorar algo e quando você menos esperar a solução para aquele projeto que parecia impossível aparecerá.

Esteja aberto a ouvir outras pessoas:

Às vezes, o prazo para entregar o trabalho está curto, o cliente começa a pressionar e o estresse chega.

A mente fica tão fechada em tentar resolver aquilo logo que a criatividade vai embora e se alguém oferece ajuda você recusa na hora, ainda mais se ela não atua na área.

É como se a pessoa não tivesse a capacidade de resolver aquela questão.

Esse é um grande erro.

Seu pai, que não entende nada de arquitetura pode chegar com um insight maravilhoso que finaliza o projeto, do tipo: “E se você colocar uma janela aqui?”.

Isso não te desmerece como profissional.

Talvez você não tenha tido a ideia antes por conta da tensão.

Quando tiver um tempinho mostre seus projetos a familiares e amigos, peça ajuda, pode ser que a inovação venha da mente de alguém que “está vendo mais de longe”.

Inovar é ouvir!

Estimule sua mente:

Outra forma de estimular a mente a ser mais criativa é brincar!

Isso mesmo!

Em seu tempo livre pinte, monte quebra-cabeças, resolva caça-palavras.

Brinque com seus filhos.

Além de relaxar, essas atividades exigem que você trabalhe sua mente e estimule sua parte lúdica, isso te ajudará muito no processo criativo.

Sem contar que também é um ótimo passatempo para você curtir com sua família.

Vale a pena!

Descanse e recomece:

Se você está cheio de tarefas, a criatividade não vem e parece que nada vai dar certo, mantenha a calma. Inovar requer paciência!

Forçar a mente só vai te fazer sentir exausto e afastar ainda mais as ideias de você.

Faça uma pausa, vá dar uma volta, tomar um café e depois recomece.

Com a mente mais tranquila fica muito mais fácil encontrar soluções inovadoras para os seus projetos.

E você? O que faz para deixar a criatividade lá em cima?

Deixe aqui nos comentários

Bloqueio Criativo: 5 formas de eliminá-lo de uma vez por todas

Bloqueio Criativo


Se você trabalha na área de inovação, provavelmente já se deparou com um bloqueio criativo.

Dá aquele branco, um desespero gigante e a impressão que o prazo de entrega do projeto vai chegar, seu trabalho não vai sair, você vai perder o cliente, não vai conseguir pagar suas contas, enfim, o caos está formado!

Cada minuto que passa o estresse e o tamanho do problema parece que só aumentam.

Quer eliminar o bloqueio criativo da sua mente de uma vez por todas?

Basta continuar a leitura do nosso artigo.

Faça uma lista de tarefas e não se desespere:

Normalmente, os bloqueios criativos acontecem quando estamos sobrecarregados de trabalho e não sabemos nem por onde começar.

E aqui vai a primeira dica: comece com uma lista de tarefas, coloque tudo que precisa resolver em ordem de prioridades.

Em um primeiro momento, você poderá até se sentir mal em ver tantas coisas a fazer, mas na maioria das vezes, as tarefas demoram bem menos tempo a serem realizadas do que você imagina.

Após enumerar a lista, vá resolvendo as pendências e fazendo um check no que estiver pronto.

Apenas esta ação já te ajudará a esvaziar a cabeça, lhe trará a sensação de que está tudo sob controle e o estresse diminuirá.

Mente tranquila é certeza de criatividade.

Faça pequenas pausas:

Outro método simples e eficaz para evitar o bloqueio criativo é realizar pequenas pausas no trabalho.

O que fazer nesse espaço de tempo vai de cada um.

Pare alguns minutos, dê uma mexida no corpo, beba um gole de café ou vá falar com algum amigo, o mais importante é que sua mente dê uma pequena descansada da função para relaxar um pouco e depois voltar com a criatividade lá em cima.

Uma técnica muito utilizada para produtividade que também usa pausas é a Pomodoro.

Ela consiste em você trabalhar com foco total na atividade durante 25 minutos (não pode ter nenhum tipo de distração nesse tempo) e parar por 5 minutos para tomar uma água ou fazer um alongamento, após 4 ciclos você poderá fazer um descanso maior, de meia hora.

E é claro que você pode modificar a técnica para atender melhor sua necessidade, como aumentar o tempo de foco total para 40 minutos e as pausas para 10 minutos, aí depende de você.

Foco total mais descanso te ajudarão muito a ficar bem distante dos bloqueios criativos.

Desconecte-se das Redes Sociais:

Falando em perder o foco, há algo que nos deixe mais dispersos do que redes sociais?

Às vezes a sua intenção é até das melhores.

Você dá uma pausa no trabalho, abre um vídeo no Youtube sobre as melhores dicas para ter sucesso na área da arquitetura, depois assiste outro sobre design,vê algo sobre política, futebol e quando cai em si já se passaram 1 hora e meia e você está aprendendo a trocar o carburador de moto, sendo que você só tem carro.

Se em toda a profissão tempo equivale a dinheiro, nas que trabalham com inovação vale ainda mais.

Uma hora por dia nas redes sociais pode significar um projeto a menos para pagar as contas, em um mês podem ser 30 a menos, já pensou em um ano? Em dez?

Enquanto mais focado você estiver no seu trabalho, mais criativo e inovador será.

O celular deve ficar bem longe, deixe apenas o projeto que está trabalhando aberto no computador e na hora de criar não fique nem com seu e-mail logado para evitar as distrações ao máximo.


Mude de local de trabalho:

Se você consegue trabalhar apenas com o notebook e internet, também tem a opção de aguçar sua criatividade mudando o local de trabalho.

Ao invés de fazer seus projetos apenas no escritório, experimente ir a cafés, bibliotecas ou se você trabalha em home office, teste mudar de cômodo, ficar um tempinho ao ar livre também é bem estimulante para o cérebro.

Algumas cidades já possuem coworking, são ambientes de trabalho compartilhados por autônomos, esta é uma ótima opção porque além de estimular a criatividade, faz com que você conheça profissionais de diversas áreas diferentes.

Quem sabe possam surgir novos negócios e amizades?

Vale a pena conferir!


Relaxe:

Uma das maneiras mais eficazes em combater o bloqueio criativo é relaxar.

Vá fazer uma atividade física, ler uma ficção ou assistir sua série favorita.

Na verdade, não importa o que você vai fazer para relaxar, mas a dica é deixar seu cérebro descansar em atividades que te tragam a sensação de bem-estar.

Também não abra mão de boas noites de sono.

Com a mente leve e descansada sua cabeça estará cheia de ideias inovadoras e livre dos bloqueios criativos de uma vez por todas.

E você o que faz para não ter bloqueio criativos?

Deixe aqui nos comentários.